Biologia e Geologia na Escola

Blog de apoio e complemento às aulas de Ciências Naturais – Biologia e Geologia

2010, o ano da maior seca na Amazónia

Posted by BG em 09/02/2011

A seca de 2005 que assolou a floresta da Amazónia foi tida como algo que acontece uma vez num século, mas meia década depois a história repetiu-se e ainda foi mais grave. Uma equipa de cientistas analisou a precipitação na floresta na última década e previu a quantidade de dióxido de carbono (CO2) libertado — oito mil milhões de toneladas em 2010. Mais do que os EUA lançaram em 2009 para o ar (5,4 mil milhões de toneladas).

Os resultados publicados num artigo da Science mostram que esta tendência faz com que a floresta se torne numa fonte de CO2. “Ter dois fenómenos desta magnitude a sucederem-se tão perto é extremamente incomum, mas infelizmente é consistente com os modelos climáticos”, disse Simon Lewis, primeiro autor do artigo, da Universidade de Leeds, no Reino Unido.

Fonte: Jornal Público

Primeiro os números: a floresta da Amazónia cobre cerca de 5,5 mil milhões de quilómetros quadrados, e num ano normal recolhe da atmosfera 1,5 mil milhões de toneladas de CO2 que se transformam em vegetação.

Em 2005 a seca que arrasou a região afectou 1,9 milhões de quilómetros quadrados. O funcionamento debilitado da floresta e a degradação das árvores mortas, que largam CO2, fez com que fossem libertadas cinco mil milhões de toneladas deste gás. Em 2010, a área afectada pela seca ainda foi maior — três milhões de quilómetros quadrados. Os investigadores calculam que serão libertadas oito mil milhões de toneladas de CO2.

“Duas secas extremas que são fora do normal e que ocorrem em menos de uma década podem facilmente contrabalançar o carbono absorvido pela floresta durante esse período”, disse Simon Lewis, que deixa um alerta incómodo: “Se fenómenos como este acontecerem mais vezes, a Amazónia vai (…) deixar de ser um sumidouro de CO2 que atrasa as alterações climáticas, para passar a ser uma das principais fontes de gases de efeito de estufa que acelera estas alterações.”

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: